EsporteNotícias
Tendência

Vai começar a Série B do Catarinense

10 clubes lutam pela vaga na primeira divisão do estadual

 

O campeão e os rebaixados da elite já estão definidos. Agora, é com os clubes que buscam o acesso. No dia 29 de junho, terça-feira, começa a Série B do Catarinense com 10 times representantes. O torneio terá turno e returno, e vai disponibilizar duas vagas à primeira divisão do estadual.

O Barra, de Balneário Camboriú, o Carlos Renaux, de Brusque, e o Camboriú, representam o Vale na competição. Confira algumas informações dos clubes:

 

Barra

A equipe, apresentou na segunda-feira (21), o ex-técnico do Marcílio Dias, Moisés Egert, para a Segundona. Ele assumiu no lugar de Fabiano Soares.

“O Barra FC vive um momento importante em sua trajetória e fico muito feliz e orgulhoso em assumir a posição de técnico da equipe. Será um grande passo para alicerçar a minha carreira. Sei do tamanho dessa responsabilidade e agradeço à direção por confiar no meu trabalho. Juntos trabalharemos para conquistar o tão sonhado acesso à Série A e conquistar grandes resultados”, afirmou Egert.

O Barra também apresentou reforços dentro de campo: o centroavante Diego Ceará, de 27 anos, chega com experiência no Sergipe, Boa Esporte (PE) e no Central (PE), e diz estar pronto para ajudar a equipe, “Fico muito feliz e motivado de defender o Barra. Minha expectativa é a melhor possível e vamos trabalhar dia-a-dia para que possamos conquistar o objetivo do clube nesta temporada, que é o acesso a 1ª divisão”.

Teve também a chegada do atacante Joãozinho, natural da cidade de Xambrê, no Paraná. O experiente atleta, de 32 anos, tem passagens pelo Vila Nova (GO), Linense (SP), Figueirense, Santo André, São Bento (SP), Sampaio Corrêa (MA), Votuporanguense, Portuguesa e Marília. “Estou muito feliz em fazer parte desse projeto do Barra FC em busca do acesso à Elite do Campeonato Catarinense e, consequentemente, o título. Agradeço a todos do Barra e espero que possa ajudar muito todos meus companheiros e a instituição nesse sonhado acesso, que é o principal objetivo”, destaca Joãozinho.

O time também teve reforço na zaga: Gabriel Silva, de 26 anos, que passou pelo Marcílio Dias em 2019, vai vestir a camisa do Barra. Já, Alex Maranhão, chegou para ajudar no meio-campo. Ele teve passagens pelo Fortaleza, Bahia, Grêmio Barueri, Sampaio Corrêa, Guarani de Palhoça, Criciúma, Ponte Preta e Paysandu. O atleta de 36 anos é natural de São Luís, no Maranhão.

Outros atletas também reforçaram a equipe. Para mais informações, acesse as redes sociais do clube.O Barra abre a Série B contra o Caçador, no dia 29, terça-feira, às 15h, no Estádio Dr. Hercílio Luz em Itajaí.

 

 

Carlos Renaux

O Vovô do futebol catarinense, tem como treinador desde de janeiro de 2021, Luiz Ricardo, conhecido como Luizão. Ele assumiu a função após a saída de Schwenck. Antes mesmo do Carlos Renaux retomar as atividades profissionais no futebol, Luizão já fazia parte da equipe técnica do clube.

“Nós procuramos trazer atletas que tiveram experiência na Série B do Catarinense, e também jogadores que tem uma boa bagagem. Mesmo novos, mas com experiência. Trouxemos jogadores que contribuem para o nosso sistema de jogo, que tenham as nossas características, com boas referências e que possam ajudar o Carlos Renaux nesse campeonato tão competitivo”, cita Luizão.

A equipe se reforçoucom Wallace da Silva Figueiredo, goleiro de 24 anos, que conta com passagens pelo Vitória (BA), Olaria e Paduano, ambos do Rio de Janeiro.Com Douglas Lima, de 29 anos, também goleiro,revelado na base do Flamengo, campeão da Taça São Paulo em 2011, campeão com o Democrata (MG), e possui experiências no futebol do Espírito Santo, Mato Grosso e Bahia.

Na zaga, teve a chegada de Felipe Baptista dos Santos, de 30 anos,zagueiro revelado pelo Corinthians.Ele énatural de São Paulo e chega ao Vovô com passagens pelo futebol paulista, do Mato Grosso do Sul e Paraná.Ambidestro, experiente e seguro, segundo a equipe, são algumas das qualidades do defensor que chega ao time em 2021.

Outro reforço no Carlos Renaux, só que na lateral, foi Ruhan Rodrigues Marrote, lateral direito, nascido em Porto Alegre (RS). Ele conta com participações na Série B do Campeonato Brasileiro, nos campeonatos estaduais de São Paulo, Mato Grosso, Santa Catarina e Maranhão.

O time também se reforçou com outros atletas, em outras áreas do campo, nessa luta pelo acesso. Para mais informações, acesse as redes sociais do clube. O Carlos Renaux estreia na Segundona, quarta-feira, dia 30, às 15h, contra o Tubarão, no estádio Domingos Gonzalez, em Tubarão.

 

Camboriú

Celso Rodrigues é o treinador da Cambura nessa disputa da Série B. Ele é natural de Cachoeiro do Sul (RS) e encerrou sua carreira como jogador de futebol profissional em 2005. No ano seguinte, assumiu como auxiliar de Agenor Piccini no time da Chapecoense. Ele é formado em Educação Física e fez estágio com Vanderlei Luxemburgo no Grêmio.

Em 2016, Celso foi técnico do Concórdia. Em 2017 e 2018, assumiu o Operário (MS), eem 2019, teve passagem por três clubes: São Gabriel, Operário (MS) e Concórdia. Neste último, ficou até 2020 e foi vice-campeão da Série B do Campeonato Catarinense de 2019. “Estou muito feliz e confiante com esse novo desafio aqui no Camboriú”, afirma Celso.

A Camburatrouxe alguns atletas para a competição.O primeiro foi o goleiro Gabriel Félix dos Santos, de 26 anos. Entre categorias de base e profissional, o arqueiro esteve durante uma década no Vasco da Gama.Ele também teve passagens por Goiás, Fortaleza, São Bento (SP), Austin Bold, dos Estados Unidos, e Luverdense (MS). O segundo reforço foi o lateral direito Everton Souza da Cruz, de 26 anos, que também pode atuar como volante, e tem passagens por clubes como: Criciúma, Toledo (PR), Tubarão, Uberlândia (MG) e Capivariano (SP), sua última equipe.

Depois houveram as chegadas do lateral-esquerdo Leonardo de Campos, de 28 anos,do atacante Wesley Barbosa, de 25, do zagueiro, Thiago Moura, de 32, e do atacante “Jr Juazeiro”, de 31. Outro jogador experiente apresentado noCamboriú foi Ronny, de 29 anos. O meia/atacante já atuou pelo Figueirense, Criciúma, Botafogo e Palmeiras, clube em que foi campeão da Série B do Brasileiro em 2013.

O volante Artur do Carmo foi mais um reforço de experiência no Terror da Baixada. O jogador de 30 anos já atuou no Internacional (RS), Coritiba (PR), Paysandu (PA), Oeste (SP), Ypiranga (RS), Pelotas (RS), Juventus de Jaraguá do Sul, Rio Branco (PR) e seu último clube foi o Jaraguá E.C, de Goiás.No currículo, Artur Cavalo, como é conhecido, é tricampeão paranaense e vice da Copa do Brasil pelo Coritiba.

O Tricolor Camboriuensetambém apresentou outros jogadores na briga pela elite de 2022. Para mais informações, acesse as redes sociais do clube. A equipe estreia na Série B, contra o Fluminense de Joinville, no Robertão, quarta-feira (30), às 15h.

 

Texto: Anthony Marcel – acadêmico de jornalismo

E-mail: anthonymarcel2@hotmail.com

 

 

 

 

 

 

 

Artigos relacionados

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao topo
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x