Uncategorized
Tendência

Acordo com rizicultores deve garantir abastecimento de água durante a temporada

Eles fazem a reserva em mais de 800 hectares e liberam a água estocada quando for necessário

Na expectativa da maior temporada dos últimos anos, uma parceria entre os rizicultores de Camboriú e a Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMASA), vai garantir o abastecimento de água para Balneário Camboriú e Camboriú, no período de maior consumo. Com o acordo – reeditado pelo terceiro ano consecutivo – durante três meses, de 19/12 até 19/03, mais de 800 hectares de produção de arroz serão usados para reservar água, suprindo a demanda de água que aumenta neste período.

“Essa é uma importante ação, que conseguimos ter o respaldo dos rizicultores mais uma vez, para garantir o abastecimento das duas cidades neste período de maior consumo, sem que os agricultores sejam prejudicados. Assim, eles fazem essa reserva e liberam a água estocada quando for necessário”, declarou o prefeito Fabrício Oliveira.

As terras usadas para quadra de arroz, servirão como um grande reservatório com cerca de 10 a 15 centímetros de lâmina d´água. Em caso de diminuição do nível, os rizicultores são acionados e liberam a água reservada de volta ao rio, aumentando o volume do Rio Camboriú. “Como esse acordo vem dando certo há três temporadas, conseguimos manter os 23 rizicultores interessados em participar e todos serão indenizados pelo uso de suas lavouras para a constituição de um grande reservatório de água bruta, visando atender a demanda excessiva de água potável durante o período da temporada”, menciona o diretor geral da Emasa, Douglas Costa Beber.

Esse acordo, que foi inclusive destaque em rede nacional como iniciativa inédita, conta com o apoio do Sindicato dos Rizicultores, Epagri e dos Governos Municipais das duas cidades. O valor a ser pago aos rizicultores pela Emasa, foi calculado com base na média dos últimos anos da chamada “safrinha”, um investimento total de R$ 2.299.001,98.

Artigos relacionados

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao topo
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x