Uncategorized
Tendência

Secretário de Saúde acerta detalhes do novo hospital em Camboriú

Hospital Regional será custeado pelo Estado, município doará o terreno e fará o acesso

O secretário de Estado de Saúde, André Motta Ribeiro, esteve nesta terça-feira, dia 25, em Camboriú. Ele foi recebido pelo prefeito Elcio Rogério Kuhnen e pela secretária de Saúde Elisama de Freitas, pela manhã, na Policlínica. O secretário veio com tempo para cumprir uma extensa agenda no município. Conversou com os servidores da Policlínica e saiu para visitar Unidades de Saúde e aproveitou para conhecer a sede nova do Caps e do Cerfis. O objetivo da visita era discutir com técnicos o projeto do Hospital Regional e conhecer um pouco mais da Saúde de Camboriú.

“É dever na gestão pública fazer o certo. O hospital não é uma promessa é um compromisso nosso”, enfatizou o secretário. Depois de uma pausa para o almoço, o secretário participou de uma reunião no gabinete do prefeito, com uma equipe técnica do Governo do Estado, da prefeitura de Camboriú junto com engenheiros de empresas da região que vão executar o projeto. “Essa é a quinta vez que o secretário André Motta vem a Camboriú. Isso é muito importante para que ele conheça nossa realidade e necessidades. Não temos uma palavra para expressar nossa gratidão. É um sonho que já foi podado, e agora vai se tornar realidade. Este será o maior investimento com dinheiro público em Camboriú”, destaca Kuhnen.

O prefeito faz questão de participar da discussão do projeto do hospital pelo seu conhecimento e experiência como médico, especialmente, cirúrgico. Detalhes como o andar que vai sediar cada setor, salas de atendimento, acolhimento e cozinhas foram apontados pelo prefeito. Depois da reunião Elcio visitou o terreno onde será construído o Hospital junto com a equipe de engenheiros.

Projeto

Na reunião um dos assuntos foi sobre o vocacionamento, além de ser um hospital cirúrgico, (de portas abertas) voltado para traumas, ele será também maternidade. O tamanho do Hospital também entrou em pauta, mas ainda não ficou definido. O terreno tem 3.582 m² e tem mais uma área onde deve ficar o almoxarifado ou estacionamento. Os detalhes ainda serão discutidos. O Hospital terá central de exames de imagens (ressonância, ultrassom, raio-x e tomografia); entro cirúrgico, UTI sala de parto; clínica cirúrgica; leitos; centro cirúrgico obstétrico, ambulatório e outros.

Artigos relacionados

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao topo
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x